Meteora

METEORA e seus monastérios suspensos kpro8150
Patrimômio tombado pela UNESCO 
Meteora fica na Tessália, ao lado da vila de Kastraki, a cidade de referência é Kalambaka, Kalampaka, Kalabáka (em grego Καλαμπάκα).
As construções partem do séc. XVII, quando monges eremitas procuravam se ocultar da ocupação otomana, inicialmente viviam em caverna como ermitões e passaram a construir os mosteiros no  alto dos penhascos,  o acesso era por cordas e roldanas, inclusive o material de construção. IMG_8215.JPGOs monastérios foram construídos sobre altas rochas e dividem as cidades de Kalampaka e Kastraki. O visual de Meteora é surreal, o maior monastério é o Grande Meteoro, com vistas panorâmicas, mas não deixe de visitar os monastérios de Roussanou e Varlaam. A subida inclui sempre muitos degraus. Dos 20 mosteiros restam apenas 6.
Distância de Athenas – 362 km. img_8138

Como chegar
a Kalambaka
Trem  –  trens para Kalambaka saem de Atenas da Estação Larissa, que fica na linha vermelha do metrô. Os bilhetes podem ser comprados na estação ou online no site Trainonse,  com cartão de crédito e 25% de desconto. O site é em grego, escolha “Athens” e “Kalambaka”, selecione as datas e siga para a próxima página. grÉcia, kalambaka, celular
Ônibus – da capital partem do Terminal B e chegam só até Trikala, a 30 km, onde é preciso tomar outro transporte para chegar aos mosteiros. A viagem Atenas – Trikala custa € 28 e leva em torno de 4 horas e meia.img_8133

Como chegar aos mosteiros por conta própria estando em Kalambaka
Os ônibus da KTEL saem da cidade de Kalambaka e param em todos os mosteiros.
O roteiro: saída da estação de ônibus perto do centro, Hotel Divani, Town Hall Square, Camping Viracho, Kastraki, Camping The Cave e Meteora, há parada em todos os mosteiros.
Preços (confirmar, pode ter sido alterado)
Ida (Ticket Single) – 1,60 €
Ida e volta (Return Ticket) –  3,00 €
Dia todo (All Day Ticket) – 5,00 €
Horários
(a confirmar) – Kalambaka x Meteora: 9h., 11h., 13h, 17h.
Meteora X Kalambaka: 10h., 12h. 14h. 18.
Diário de Bordo – indispensável: água, filtro solar, boné, calçados super confortáveis, dinheiro para os tickets, todos os mosteiros são pagos. Respeite os monges, eles não gostam de ser fotografados.IMG_8267.JPG
Restam 6 mosteiros – a grafia pode ser diferente em todos eles.
Ágia Tríada
 (Santíssima Trindade),
Megalos Meteoros (Grande Meteoro ou Mosteiro da Transfiguração),
Varlaam,
Ágios Stéphanos (Santo Estevão),
São Nicolau Anapausas
Roussanou (o único feminino).
Diário de Bordo
– compramos nosso bilhete de trem no Brasil. Em  Atenas nos hospedamos em um hotel perto da Estação de Trem Larissa. Levantamos às 5h.30 para tomar o trem na Estação Larissa, quando fomos validar o ticket a informação foi de que o local de embarque estava errado. Esclarecendo: a estação está em Atenas chama-se Estação Larissa, mas não está em Larissa e sim em Atenas. Larissa é uma cidade que está do lado oposto e após Kalambaka. Por sorte conseguimos trocar os bilhetes.
Foram 4h. de viagem bem cansativas, as poltronas são desconfortáveis, não reclinam e é muito difícil conseguir comprar bilhetes de primeira classe. Descemos em Kalambaka compramos nossa passagem de volta e já não tinha primeira classe.
Deixamos nossas mochilas na hospedagem, saímos para almoçar e para aproveitar a tarde visitamos o mosteiro mais perto: Agia Trias. Fomos de ônibus e descemos caminhando pela trilha de 4km.
Reserve 2 dias da viagem para conhecer esse lugar incrível.

AGIA TRIADA (Santíssima Trindade)

img_8136
Funciona desde 1362 (656 anos), é o mais famoso dos mosteiros de Meteora, já serviu até de cenário para as aventuras de James Bond (em For Your Eyes Only / Somente para seus Olhos). Foi construído no Século XV, era acessível apenas pelo sistema de cordas e roldanas.  Em 1925 ganhou uma escadaria de acesso escavada nas rochas com 154 degraus.
Horário – das 9h. às 15h., fecha quinta-feira.
Como chegar caminhando – A partir de Kalambaka há uma trilha até o monastério, peça um mapa no hotel e é muito fácil se localizar a partir da praça principal de Kalambaka se orientando sempre pelas torres de pedra, inclusive há placas de orientação.

GRANDE METEORO

IMG_8174.JPG
Megalou Meteoru, Grande Mosteiro ou Mosteiro da Transfiguração de Cristo – é o mais antigo e maior deles, fundado na primeira metade do Século XIV por Aghios Athanassios Meteoritis, São Athanasios (1302-1380).img_3349
No pátio central da catedral vamos encontrar afrescos do séc. XVI em arte bizantina grega. A torre é de 1.520. As pinturas retratam várias épocas, cenas históricas de Meteora que remetem a religião ortodoxa, em outras pinturas é intrigante a mistura com personagens da Segunda Grande Guerra e soldados nazistas, e aí fica a dúvida, teria Hitler tentado encontrar alguma origem da raça humana em Meteora? Já que os monges vivam isolados, quem teria passado essas informações? 
No Santo Altar está o Museu de Folclore de 1557 com utensílios de cobre, barro e utensílios de cozinha em madeira, assim como o antigo refeitório dos monges onde em uma mesa do séc. XVI estão os talheres originais.  A sacristia e a sala novos mártires (antigo lar de idosos e hospital), o ossuário, a igreja de Metamorfoseos tou Sotiros ou da Transfiguração de Jesus (o santuário foi construído em 1388 e a igreja principal com o nártex em 1545), grÉcia, kalambaka, celular1
Até hoje há um local onde são colocados os votos de agradecimento por graças alcançadas. img_3341
Horário –  das 9h às 17h e fecha terça e quarta-feira.

Diário de Bordo – Subimos até o mosteiro em ônibus, ele vai lentamente para o turista observar a paisagem.

img_3476Na entrada são fornecidos alguns tecidos com cordões para substituir uma saia, o tempo de visitação é em média de 2h. O ponto mais alto é sem dúvida a capela, sua primeira parte apresenta quadros com muitas tragédias, mártires degolados, queimados vivos. No interior da capela os quadros mudam e os desenhos remetem muita paz com Jesus e seus apóstolos. Descemos pela trilha arborizada, cuidado na bifurcação que tem um banco, tome o lado esquerdo e continue descendo até outro mosteiro, o Varlam.tnba5449

VARLAAM

img_8235
Foi fundado em 1.350 pelo um monge eremita Varlaam que viveu sozinho no alto da rocha e ali construiu 3 capelas no séc. XIV. Após sua morte o local foi abandonado por 200 anos, redescoberto foi construído ali um mosteiro que levou 22 anos para ficar pronto porque o material tinha de ser içado até o topo da montanha. A parte maior da igreja foi construída em 1542, dedicada a Agious Pantes (Santo de Todos) e em sua parte principal estão afrescos do século XVI feitos por Frangos Katelanos artista de Tebas conhecido também por sua coleção de manuscritos. grÉcia, kalambaka, celular5 As escadarias são mais recentes, datam do século XIX, antes só se chegava ao topo através de um sistema de roldanas implantado no século XIV que permaneceu ativo até a década de 60. Atualmente vivem no mosteiro poucos monges Ocupação das rochas começou no século XI, mas somente após o século XIV a igreja abarcou essas iniciativas independentes.
Horário – das 9h às 16h e fecha sexta-feira.
MIRANTE DE METEORA
Diário de Bordo – Oportunidade de se observar uma das mais bonitas vistas é ao sair do Monastério de Varlaam seguir pelo asfalto até a bifurcação para Roussanou, seguir pela esquerda e alguns metros adiante está o Mirante de Meteora, é o mesmo trajeto de quem vai para os monastérios Agios Stephanos e Agia Triada).

ÁGIOS STÉPHANOS (Santo Estevão), img_8266
O monastério é pequeno, a basílica tem uma única ala construída em 1350. Santo Antonio (primeira metade do séc.XV) e Santo Filoteos (metade do séc. XVI) são ambos tidos como os fundadores deste monastério. A igreja é de 1798, dedicada a Aghios Charalampos (1798), decorada com trabalhos tridimensionais. Um museu mais moderno guarda uma herança valiosa: ícones do período pós-bizantino, vestes sacerdotais e telas bordadas a ouro, peças de prata e muita coisa interessante.

ROUSSANOUimg_8275
Dedicado a Santa Bárbara é um dos mais recentes, construído no século XVI e decorado 30 anos depois, foi transformado em convento em 1988. Não é um mosteiro localizado em rochas tão altas, sofreu graves danos durante a 2ª. Guerra Mundial. O monastério é  gerido por monjas e tem muito pouco a ser visto, somente um pequeno pátio e a capela e como os demais monastérios a primeira parte mostra atrocidades, principalmente corte de pernas, no interior da capela os temas mais leves.
Se estiver com viagem marcada para dezembro, assista no dia 4 a grande celebração da Agia Varvara (Sta. Bárbara).
Horário – das 9 às 18h. – fecha quarta-feira.
Diário de Bordo – Para ganhar tempo fomos de táxi até o Roussanou e se tiver tempo desça caminhando os 5km. até Kalambaka e antes de chegar veja o Agios Nikolaos Anapafsas.

AGIOS NIKOLAOS ANAPAFSAS

img_8270
Mosteiro do séc. XIV com pinturas dessa época, sua construção foi feita aproveitando desníveis do terreno, por isso é um monastério pequeno vertical. Como não possui pátio, logo na entrada está a Igreja de Santo Antonio com a cripta que guarda os códigos e heranças. O nome pode ter sido atribuído a um dos benfeitores do mosteiro ou ainda sendo o primeiro monastério do caminho podia ter sido utilizado para descanso dos peregrinos antes de seguir viagem e como “anapafsys” significa descansar seria São Nicolau do Descanso.
Distância de Kastraki – 1km.
Horário – das 9h. às 17h., fecha sexta-feira
Diário de Bordo – O ônibus passa por volta das 13h.30 com destino a Kalambaka, mas pode atrasar dependendo da quantidade de turistas, uma opção é parar em Kastraki para almoçar, já que estranhamente os restaurantes em Kalambaka ficam abertos em horários limitados para almoço e só reabrem às 17h.

ONDE FICAR
O vilarejo de Kastraki, que fica a 2 km. Kalambaka, está mais próximo dos mosteiros, porém optamos por uma hospedagem em Kalambaka que é onde desembarcam os passageiros que chegam de trem.

Sofia Rooms

grÉcia, kalambaka, celular2
Localização – Kalambaka
Elogios para a recepção e administração, proprietária muito atenciosa, simpática e prestativa, inclusive pudemos deixar as mochilas mesmo depois de fechar a diária.
Bem localizado, perto do centro, ponto de ônibus, padaria a poucos passos que serve um café da manhã sem luxo, mas suficiente. Restaurantes, lanchonetes e mercados todos acessados a pé. Quarto aconchegante com 1 cama de casal, 1 de solteiro, boa roupa de cama e banho, cafeteira, xícaras, talheres, frigobar, varanda com varal.

Orpheas Hotel
Localização – Kastraki
Piscina, vista para as rochas de Meteora, banheiro privado, wi-fi. Diárias com ou sem tour.

Onde comer em Kalambaka

grÉcia, kalambaka, celular3
Os melhores lugares para comer estão no entorno da praça principal, o lugar é agradável e todos eles com vista para os monastérios.grÉcia, kalambaka, celular4

Alguns valores de referência em euros

Trem Athenas x Kalambaka x Athenas = 18,00
Táxi do centro de Kalambaka = 5,00 a 7,00 euros
Capuccino na estação Melissa em Athenas = 1,70
Tickets Mosteiros = 3,00 Água garrafa pequena = 0,70
Almoço  = 9,50 (frango com batata) a 15,00
Capuccino + 1 salgado folhado = 2,50 (café da manhã, tínhamos iogurte e frutas).
Café expresso = 1,50
Café com sobremesa = 5,25

2 comentários sobre “Meteora

  1. Jo, adorei viajar aqui com vc. Nao conhecia Meteoro, nem sabia dos mosteiros. Muito bacana conhecer assim com suas explicações. Vou ver os outros destinos. Amo viajar e conhecer as peculiaridades dos lugares. E receber todas essas dicas, já começou a coceirinha de querer viajar, rsrs bjos

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s