CUSCO

CUSCO o umbigo do mundo

1602
Quando ir – Cusco possui praticamente 2 estações: seca e chuva. Seca vai de maio a setembro, inverno com temperaturas entre 10ºC / 0ºC a noite. De novembro a março é mais quente, mas chove e isso pode impossibilitar a visita aos sítios arqueológicos, a temperatura fica em torno de 13º.C, mais quente durante o dia esfriando à noite e não dá para dispensar um agasalho.
Quanto tempo ficar – faça uma pesquisa dos lugares que pretende visitar, tem muita coisa, mas 4 dias pode ser suficiente, cada passeio toma o dia todo
Alta temporada – nos meses de junho, julho e agosto com chegada das férias a cidade fica mais movimentada.
Altitude – 3.400m. a.n.m.
Voltagem elétrica – 220 volts, os plugues geralmente são do tipo A, B e C, leve adaptador.
Festividade – No dia 24 de junho é comemorado o Inti Raymi ou a Festa do Sol. Segunda quinzena de outubro a celebração é em honra de El Señor de los Milagros.
Moeda – A moeda oficial do Peru é o Nuevo Sol (S /.) Circula em moedas de 1, 5, 10, 20 e 50 centavos, 1, 2 e 5 solados e em notas de 10, 20, 50, 100 e 200 soles.
Evite levar nota alta de dólar, é mais difícil trocar.
Cotação do Novo Sol
– U$1,00 = S/3,60 (janeiro/2023).
Bizu passamos o Ano Novo em Cusco, foi fantástico, dizem ser o melhor Reveillon do Peru e acredito que seja mesmo.

Chegando:  Brasil x Cusco
Avião – não há voos direto para Cusco saindo Brasil/Guarulhos, fomos pela Latam, 5h.10’ de voo, compramos voo “casado”, mas a conexão foi de 7h. em Lima deu tempo de ir até o Centro Histórico de Lima, depois de Lima para Cusco o voo é de 1h.25’ (neste trecho utilizamos milhas Latam).
As principais companhias aéreas que operam essa rota são Lan Peru, Peruvian Airlines, Taca, Star Peru e a Viva Air Peru, com melhores tarifas.
A distância do aeroporto até é o centro histórico de Cusco é de 5,5km., 20 minutos de táxi, lembrando que eles não tem velocímetro, é preciso combinar o preço antes de entrar no táxi, percorremos os guichês do saguão do aeroporto todos com S/55 (U$15), na área externa idem conseguimos por S/40, se quiser algo mais barato vá até a rodovia fora do aeroporto, mas talvez tenha que esperar mais tempo.
Chegando por ônibus, a Cruz del Sur tem seu próprio terminal na Av. Industrial a 3 km da Plaza de Armas, cerca de 10 minutos de táxi, o preço é de S/12 (U$3,50), mas o taxista vai tentar negociar por um preço maior alegando as malas.

Câmbio – os guichês da Av. El Sol costumam oferecer melhor cotação do que na Plaza de Armas. O cartão de crédito costuma oferecer a melhor conversão de sol para dólar, mas lembrando que haverá a taxa do cartão.

Soroche – no primeiro dia muita calma, chá de coca que está sempre à disposição no saguão dos hotéis, descanse um pouco antes de sair para a Plaza de Armas, evite álcool, beba muita água e continue no chá, alguns sites recomendam o SorochePhil, pode fazer uso do Paracetamol que faz o mesmo efeito e é mais barato. Sem exageros, no segundo dia já vai se sentir melhor.

O QUE VER EM CUSCO (CIDADE)
 Plaza de Armas

1402Chamada pelos incas de Huacaypata, em quéchua “lugar de lamentos”, aqui se realizavam cerimônias sagradas e no seu entorno foram construídos vários palácios incas.
A praça foi erguida como centro religioso e cultural da capital do império e foi também palco de execução cruel de Túpac Amaru II, líder indígena da maior revolução contra a hispano américa, em 1781. Os palácios foram destruídos pelos espanhóis e em suas bases foram construídos templos religiosos.
Nesta praça o colonizador espanhol Francisco Pizarro tomou a cidade dos incas e declarou a conquista da cidade.
Na praça com mais de 500 anos, está fonte de água foi doada pela cidade de Nova York, enviada para a cidade em 1872. Outra fonte semelhante fica no Central Park de Nova York. A razão é que Nova York era o centro de Pangea e “Cusco” deriva da palavra quíchua “Qosqo”, que significa o centro do universo.

Catedral de Cusco

1749Catedral Basílica da Virgem de Assunção, foi construída entre 1560 e 1664 com blocos de pedras trazidas de Sacsayhuamán. Está dividida em três templos: a igreja de El Triunfo mais antiga (1.536), o templo da Sagrada Família (1723) e a Catedral Basílica de Cusco (1560).
Cripta – abaixo do altar mor, contem cinzas diversos arcebispos e uma porção das cinzas do escritor cusquenho Garcilaso de La Vega (o restante está na Espanha).
Sala prateada – capela lateral com artefatos religiosos em prata, ouro e pedras preciosas. A Celebração de Corpus Christi pesa 160 quilos e a Custódia de 1.745 com 43 topázios, 221 esmeraldas, 263 diamantes, 1 ágata, 5 safiras, 89 ametistas, 62 rubis e 331 pérolas; pesa 27kg. e tem 1,20m. de altura.A Última Ceia 1748 Marco Zapata
Última Ceia – de Marcos Zapata com 5,4mt., em que o prato principal é um porco-da-índia assado, rocoto (pimentão recheado) e mamão papaia.
Barracas do coro – na parte inferior da nave central, feitas em cedro com espaldares fixados nas paredes estão talhas e figuras de santos.
Senhor dos Tremores – Cristo crucificado e que segundo uma lenda a estátua vinha deitada em um navio da Europa para o Peru, durante uma tempestade muito forte, colocaram a estátua em pé e a tempestade cessou, outra lenda é que durante o terremoto de 1650 foi pedido ao Senhor que parassem os tremores e logo em seguida tudo ficou tranquilo.
Sacristia – ao lado direito do altar mor, com retratos de todos os bispos de Cusco. Destaque para o Cristo da Agonia.
Sino –  sino de María Angola, com mais de 6 toneladas e 2,10 metros de altura. É considerado o melhor sino da América do Sul por suas dimensões e vibração metálica.
Localização – Cruzamento das Calles Triunfo e Cuesta del Almirante – Plaza de Armas.
Horário de visita – das 10h. às 18h.
Entrada – S/40 soles (U$12). Para visitar de forma gratuita vá aos sábados e domingos em horários das missas, 7h. e 19h. Não incluso em boleto.
Fotos – não permitidas no interior da igreja

Igreja Companhia de Jesus 

A construção começou em 1576 no templo inca Amaru Cancha e foi completamente reformada em 1650 depois que um forte terremoto atingiu a cidade. Fachada em pedra cantaria decorada, tem duas grandes torres e duas capelas contíguas.
Seu interior tem um altar em madeira e peças folheadas a ouro, além de uma rica coleção de esculturas e pinturas da Escola Cusquenha de Arte. Há escadas até as torres sineiras para uma vista da Plaza de Armas.
Localização – Plaza de Armas.
Tempo de visita – 45 minutos

Pedra de 12 ângulos

1700

1706A pedra dos 12 ângulos considerada Patrimônio Cultural da Nação do Peru, é um bloco de pedra da cultura inca que fazia parte de um palácio inca, agora da sede do Palácio Arquiepiscopal de Cusco, serviu como residência do Inca Roca que reinou aproximadamente de 1350 a 1380. Aparência almofadada seus 12 ângulos se encaixam de forma precisa e justa, é um ponto de atração em Cusco, sempre vai ter alguém vestido a caráter para posar com você em uma foto e cobrar alguma taxa.
LocalizaçãoRua Hatun Rumiyoc, 150m. da Plaza de Armas.


Qoricancha
Templo de Inti, o deus Sol – Convento de Santo Domingo

coricanchaOs adoradores deviam se apresentar descalços e levando algo nas costas em sinal de humildade. O Templo ocupava mais da metade da atual Igreja de Santo Domingo, dentro foram encontrados os corpos embalsamados dos filhos do Sol sobre cadeiras e mesas de ouro e muitas peças em ouro. Durante a ocupação espanhola ele foi quase que totalmente destruído, as peças em ouro foram enviadas ao Rei da Espanha como agradecimento por aprovar a expedição a América do Sul. A igreja de Santo Domingo foi construída sobre as ruínas do templo:
Templo da Lua – dedicado a esposa do deus Sol, era todo decorado prateado e com a representação da lua em prata, foi demolido para construir parte da igreja de Santo Domingo.
Templo de Vênus e as Estrelas – as estrelas eram as filhas dos Incas e servas da lua, estava separado por uma viela dedicada a Vênus – chasca que significa estrela.
Templo Arco Íris – o arco íris era adorado pelos Incas que acreditavam que ele veio do deus sol, parte do templo foi destruído na construção do Convento.
Jardim Solar – aqui ficavam as oferendas em ouro e prata ao deus sol. No  período colonial era o jardim dos frades dominicanos.
Fontes – haviam 5 fontes e cada uma delas tinha um significado religioso diferente, a origem da água era um segredo.
O Museu Coricancha possui 5 salas subterrâneas com cerâmicas, objetos metálicos, líticos, têxteis e múmias com sinais de trepanações cranianas.
Localização – Plazoleta Santo Domingo s/n.
Horário – de segunda a sábado das 8h.30 às 17h.30, domingo 14h. às 17h.
Horário do Museu – de segunda a sábado das 9h. às 18h.
Investimento – S/10 (U$2,7).
Investimento Museu – S/15 (ou bilhete turístico Circuito II de S/70)

Mercado de San Pedro

cusco-001

Lugar ideal para sentir a cultura gastronômica de Cusco, com frutas,  tubérculos, variedade infinita de milho e batata. Aqui os cusquenhos comem de forma barata em pequenos restaurantes. Se precisar comprar agasalho, gorro ou cachecol barato (mas não tão bom), este é o local.
Bizu – você pode não se sentir muito seguro em comer no Mercado, mas não deixe de experimentar os sucos feito com frutas locais, tudo muito fresco.
Localização – Santa Clara, esquina Cascaparo, passando pelo arco de Santa Clara.
Horário – das 6h.30 às 18h.30

Arco de Santa Clara

1780

Se você for ao Mercado de San Pedro vai passara sob o Arco de Santa Clara. Arco triunfal construído no centro histórico de Cusco e ao lado da Plaza San Francisco. Em comemoração ao início da constituição da Confederação Peru- Boliviana, o General André de Santa Cruz, solicitou a sua construção. Foi entregue em 1835 e desde 1972 faz parte da Zona Monumental de Cusco, declarado Monumento Histórico do Peru e, por fazer parte do centro histórico da cidade, Patrimônio Histórico da Humanidade. O arco atravessa a rua Santa Clara, que deve seu nome ao Convento das Clarissas, situado a 100 metros do arco.

Museo de La Coca

cusco-003

A coca é uma planta que ficou conhecida por ter benefícios medicinais, entre eles ser aliada no combate aos sintomas do mal da altitude. Foi utilizada pelas culturas milenares com tradições que foram passadas de geração em geração. O Museu da Coca, conta a história desta planta sagrada dos incas por meio de três exposições permanentes. Também conta com peças de cerâmica, têxteis e líticos.
Bizú – este museu já foi bem melhor, vá se tiver tempo.
Localização – Cuesta de San Blas, 618
Horário – todos os dias das 10h. às 18h.
Investimento – adultos S/10, estudantes S/7. Não incluso em boleto.

Chocolate Museum (loja)1771

Uma boa variedade de chocolates em composições inusitadas e vários tamanhos excelente para presentear, além de cremes, licores, chás, sabonetes e outras opções.
Localização – Plaza del Regocijo (sobre loja).
Horário – todos os dias das 9h. às 18h.
Investimento – gratuito para visitação.

Sacsayhuamán

sacsayhuaman

Sítio arqueológico no alto de uma colina na área urbana de Cusco. Como alguns historiadores acreditam que Cusco foi construída em formato de um puma, Sacsayhuamán seria a cabeça do animal sagrado dos incas.
A primeira parede é feita por rochas de 90 a 125 toneladas de peso, para acessar o interior era necessário passar por três portas, foi a maior obra arquitetônica construídas pelos incas durante o apogeu do império, por isso acredita-se que servia como proteção contra invasores. Funcionou como centro cerimonial sagrado e de estudos, era chamado de “Casa do Sol”. Começou a ser construída por Pachacútec no séc. XV e terminou durante o governo de Huayna Cápac no sec. XVI. Foi destruída pelos espanhóis que usaram suas pedras para construção de igrejas.
Localização – Fica no alto de uma colina a menos de 10 minutos de táxi S/10 (U$2,7), da Plaza de Armas.
Guia – contratado no local por S/30.
Horário – todos os dias das 7h. às 17h.30.
Investimento – incluído no Boleto Turístico I.
Bizu é interessante contratar um guia para explicar as ruinas que não são as mais bem conservadas de Cusco. Não é fácil ir a pé devido a altitude, mas a volta é tranquila, aproveite para visitar no caminho a igreja de San Sebastián.


Igreja de San Blas.

06-001

Datada de 1563, uma das mais antigas de Cusco, base construída em blocos de adobe e pedra, foi destruída por um terremoto em 1.655 e reconstruída. Fachada simples e amplo portão em forma de arco, planta em cruz latina e nave única, interior barroco. Pinturas e imagens religiosas se alternam nos nichos. A principal atração desta igreja é o púlpito de talha datado da segunda metade do século XVII.
Localização – Plazoleta de San Blás, Bairro de los Artesanos.
Horário – todos os dias das 8h. às 18h.
Investimento – adulto S/10, estudante S/7. Não incluso em boleto.
BizuAproveite a visita para percorrer o bairro que alberga vários espaços com obras de arte.

Museo del Monastério de Santa Catalina de Siena
06-002

Nos tempos dos incas recebia o nome de Acllawasi ou Casa dos Escolhidos. Nele ficavam confinadas as mais belas mulheres do império, que deviam se dedicar ao culto do Sol, a serviço do Inca, ao trabalho têxtil e à arte culinária.
Arquitetura colonial, com arcos de estilo romano. Possui pinturas da escola de Cusco dos séculos XVII e XVIII, tapeçarias da época colonial, alguns trechos de paredes incas, mantendo salas originais com exposições permanentes com cenas de como era a vida das freiras dominicanas dentro do convento em clausura. Estão expostos elementos de arte sacra, móveis, prataria, roupas litúrgicas, imagens religiosas, porcelana e utensílio domésticos
Localização – Calle Sta Catalina Angosta, 401.
Horário – segunda a sábado das 8h.30 às 17h.30 e domingo das 14h. às 17h.
Investimento – Adultos S/8 (U$2,30), estudantes universitários S/4, estudantes menores S/1,0. Não incluso em boleto.

Museu de Arte Pré-Colombiana – MAP

museo de arte precolombino cusco
foto: https://www.cuscoperu.com/pt/viagens/cusco/museus/museu-de-arte-pre-colombiano
Em uma mansão colonial, mostra as várias culturas que habitaram o Peru, são 10 salas com peças de até 3.000 anos, esculturas em madeira, relíquias em prata, ouro, cerâmica inca e osso.
Localização – Plazoleta de las Nazarenas, 231; San Blas
Horário – de segunda a domingo das 8h. às 22h.
Investimento – adultos S/20 (U$5,60), estudantes S/10. Não incluído no bilhete turístico.

Centro Qosqo de Arte Nativo

Centro Qosqo de Arte Nativofoto: https://www.cuscoperu.com/pt/viagens/cusco/museus/museu-de-arte-pre-colombiano
Primeira Organização do Peru, fundada em 1924, dedicada a conservação Música e Danças Folclóricas de Cusco e do Peru. Em seu repertório 50 danças e melodias cusquenhas, trajes tradicionais e instrumentos musicais.
Seu elenco é formado por 70 artistas. No local estão a venda vídeos e discos de áudio com base em suas apresentações diárias.
Localização – 650m. da Plaza de Armas. 20 minutos de caminhada seguindo pela Av. El Sol
Horário de visitaçãoSegunda a Domingo das 18:30h às 20h.
Horário de apresentação – das 19h. às 20h.15.
Investimento – incluso no Boleto Circuito II, S/70, sem boleto S/30
BizuO show não é imperdível, 1h. de duração e um tanto quanto repetitivo.

Museu e Catacumbas do Templo de São Francisco de Asis

1820
O convento foi fundado no século XVI, dentro estão azulejos sevilhanos e peças de madeira esculpidas.
Atrações: sacristia, anteportaria, portaria, vestíbulo, claustro principal, salão anda, museu ou sala de profundis, ante-sacristia e catacumbas com restos mortais de ancestrais franciscanos. Em uma das telas de 12m. de altura por 9m. de largura (uma das maiores da América do Sul), está a “árvore genealógica da família franciscana. O templo tem uma arquitetura barroca de estilo românico e plateresco, o coro foi esculpido em cedro.
Localização – Praça San Francisco, s/n
Horário – segunda a domingo das 9h.30 às 17h.30.
Investimento – adulto S/7, estudantes S/3,50, crianças S/1. Não incluído no bilhete turístico.

Museu Histórico Regional de Cusco
5cc0c447b95d5

Casa do Inca Garcilaso de la Vega, foi construída sobre uma parede inca e tem características inca e espanhola. Seu amplo portal deveria ter sido usado para trânsito de senhores em seus cavalos. A casa se desenvolve ao redor de um pátio central, com quatro pavilhões que se comunicam entre si. No museu estão relíquias do período pré-incaico: cerâmicas, pinturas, metais, tecidos e instrumentos musicais. Garcilaso de la Vega (1.539-1.616), foi um mestiço que nasceu em Cusco, foi escritor e pesquisador da história local.
Localização – Heladeros, 165, esquina com Calle Garcilaso.
Entrada – incluída no boleto turístico

Centro de Textiles Tradicionales de Cusco

Local que reúne um pouco de tudo aquilo que os turistas procuram: tecidos, sapatos, bolsas, joias, pinturas e cerâmicas.
Localização – Av. El Sol, 603 com Tullumayo
Horário – segunda a domingo das 9h. às 20h.
Investimento – gratuito

Bilhetes  Turísticos – BTC

Compare os 3 tipos de boletos, S/70 (U$20) soles cada e veja se realmente vale a pena comprar, porque eles não incluem as melhores atrações de Cusco. Particularmente acho que só vale a pena o Boleto Parcial III para quem vai fazer o Valle Sagrado.
São 3 circuitos, cada um com diversos turísticos diferentes:
Circuito I (Saqsayhuaman) – também chamado de “City Tour”Parque Arqueológico de Saqsayhuaman, Qenqo, Puka Pukara y Tambomachay
Circuito II (Ciudade y Valle Sur) – Museo de Sitio de Qoricancha, Museo Histórico Regional, Museo de Arte Contemporáneo, Monumento a Pachacuteq, Museo de Arte Popular, Centro Qosqo de Arte Nativo, Parque Arqueológico de Tipon, Parque Arqueológico de Pikillacta.
Circuito III (Valle Sagrado) – Parque Arqueológico de Ollantaytambo, Parque Arqueológico de Písac, Parque Arqueológico de Chinchero, Parque Arqueológico de MorayVendasCosituc Av. El Sol, 103, Galerías Turísticas; todos os dias, das 8h às 18h.
Venda Oficina de Información Turística (DIRCETUR), calle Mantas, 116; seg. a sáb., das 8h às 12h e das 14h às 18h.
Venda na portaria de todos os lugares incluídos no boleto (exceto o Museo de Arte Contemporáneo e o Monumento de Pachacutec)

Investimento em Boletos
Boleto com todos os circuitos – S/. 130 (U$36).
Boleto para estudantes de 18 a 25 anosS/. 70 (U$20) – preço único para integral e parcial, mediante apresentação de carteira de identidade ou passaporte e carteira de estudante ISIC.
Crianças e adolescentes de 10 a 17 anos – S/. 70 (U$20) – preço único para parcial e integral, mediante apresentação de carteira de identidade ou passaporte.
Boleto parcial – S/. 70 (U$20) por 1 circuito.
Crianças até 9 anos – não pagam, mediante apresentação de carteira de identidade ou passaporte

Bizu – nem todos os lugares aceitam fazer desconto para Carteira ISIC, assim como não consegui desconto mesmo levando crachá de Guia Credenciada pela Cadastur para toda América do Sul.

 Outros Museus:
Museu da Catedral de Cusco
Museo de Arte
Museu Machupicchu da Casa Concha
Museo de Arte Popular
Museu Inca de Cusco
Museu de Arte Religiosa

 

 ONDE FICAR

O melhor local para se hospedar é no entorno da Plaza de Armas, no período de alta temporada faça reserva antecipada. Em minha primeira viagem quando fizemos a Trilha Inca, nos hospedamos no Hostal Suécia 1 B&B. Já este ano (2023), fomos para o Reveillon e ficamos no El Virrey Boutique Hostal

El Virrey Boutique Hostal 

EL Virrey Boutique Cusco Hotels quarto triplo superiorO melhor deste hostal é sem dúvida a sua localização, em frente a Praça de Armas, com fácil acesso aos principais pontos turísticos da cidade. Wi-fi, TV, atendimento 24h. (durante o dia o atendimento é bom, o responsável pelo turno da noite sempre de mau humor), o café da manhã está incluído, mas é muito fraco, apesar da atendente ser bastante prestativa. O quarto é bom, cama confortável, idem para travesseiros, tem armário, banheiro a água demora um pouco para esquentar. Se precisar de serviço de lavanderia urgente a cargo do hostal, prepare-se… camiseta de malha S/6 (U$1,67), bermuda tactel S/9 (U$2,50). Se você for fazer tour bem cedo é só avisar que eles preparam um lanche para levar.
Localização – Portal Comércio, 165 – Plaza de Armas
Investimento – U$68,00/ dia para quarto triplo com café da manhã. O check out é às 9h.30 e se você for seguir viagem mais tarde eles cobram um adicional, no nosso caso U$40, 00 (portanto, acima de meia diária). 

 Hostal Suécia 1 B&Bhostal suecia
Casa restaurada do século XVI, colchões bons, toalhas, banheiro compartilhado, internet, a 100 metros da Plaza, lavanderia ao lado. Acredito que foi o hotel e banheiro mais limpos que encontramos durante toda a viagem. Atendimento familiar, todos muito gentis. Inclui café da manhã, guarda de equipagem. Aquecimento mediante solicitação S/10 (U$2,80), dia. Traslado aeroporto S/25 (U$7), por táxi.
Localização – Calle Suecia, s/n.
Preço – S/180 (U$50)

 ONDE COMER

Restaurante Fusion (jantar)

cusco1-002

Localização – Calle Plateros.
Investimento – (jantar) sopa de ervilha com alecrim, sopa de abóbora, carne com batata, legumes e molho, bebidas  S/114,00.
(U$32,50)  – Cortesia: suco milho roxo, milho em grãos grandes, queijo

Restaurante Fusion Andina
1765

Localização Calle Plateros 360, em frente a Plaza de Armas
Investimento –  (almoço) ceviche, strogonoff de alpaca, hamburguer de alpaca, suco, refrigerante, cerveja. S/142,25 (U$39,50)

Restaurante Fusion Andina (ceia de reveillon)

Ceia Reveillon

Restaurante Tierra Bendita (jantar)

1597
29/12 –  sopas (2) e lomo carne, pisco sauer, água, suco.  S/100,00. (U$28)
Localização C. Plateros 360

Restaurante Kion
Rest; Kion
Vale o investimento nesse restaurante de comida com fusão de comida cantonesa com peruana. Almoço para 3 pessoas S/221 (U$62,00).
Localização
– Calle Simon Bollivar, 

Restaurante Mamá Simona
Localização – Calle Ceniza 364, San Pedro quarter

Incanto
Se não fizer questão de comer a gastronomia peruana o Incanto serve comida italiana de ótima qualidade. No jantar tem música e o lugar fica cheio e animado, o forno é no meio do restaurante.
Localização – Santa Catalina Angosta

Limo Peruano Nikkei
Se gosta de culinária japonesa o Limo é uma ótima pedida. Interior um pouco sofisticado, comida boa, o custo não é baixo, o que é comum em Cusco, como todo local de turismo!
Localização – Portal de Carnes 236, Piso 2, próximo a Catedral.
Horário – segunda a domingo das 11h.30 às 23h.

DICAS IMPORTANTES

Leve
Roupas de frio,
Protetor solar,
Hidratante labial e corporal para viagens em período seco,
Repelente
Capa de chuva (descartável)

Providencie
Seguro saúde não é obrigatório, mas é recomendável, você pode passar mal com a altitude (soroche), alimentação e caminhada já que elas serão a mais de 3.400m.a.n.m.
Um guia é importante para conhecer os sítios arqueológicos, eles sabem mais do que muitos guias escritos.

Vacinas
Vacina da Febre Amarela e o Certificado Internacional de Vacinação é obrigatório, nem sempre eles pedem, mas leve! Para quem vai a Cusco não é necessário, mas recomendável proteção contra: Malária, Febre Tifoide, Dengue, Tétano, Hepatite A, Hepatite B (adolescentes e adultos) e Vacina Contra a Raiva.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s